segunda-feira ,12 abril 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Vídeo: Placa do Poço dos Jesuítas é amarrada com arame em coqueiro

Vídeo: Placa do Poço dos Jesuítas é amarrada com arame em coqueiro

O Poço dos Jesuítas no caminho da Fonte em Guarapari é um dos cartões postais da nossa cidade. O visitante pode apreciar a vista para o mar, e aproveitar para fazer aquele registro através de fotos e vídeos.

Do lado fica a Praia da Fonte, onde é possível mergulhar e apreciar a natureza. Muitos turistas e moradores reclamam da falta de manutenção na área, onde uma simples placa  que indica o local do poço, está amarrado e um pé de coqueiro.

Abandono

Nos últimos dias, uma cena tem chamado a atenção dos frequentadores. A placa de identificação do Poço dos Jesuítas, está amarrada com pedaços de arame em um dos vários coqueiros da região. A placa no chão, se mistura aos coqueiros, o que tira um pouco do brilho do local.

De um lado a história de Guarapari e do outro o total abandono do local Foto: Tell Miranda

A placa ficava há poucos centímetros da rua, ao lado de um poste de energia elétrica, o que ajudava na identificação e orientação para os turistas. No momento a placa está escondida atrás de um coqueiro, só podendo ser vista, quando o visitante desce pelas escadas na direção do poço. O local faz parte também da trilha dos andarilhos dos Passos de Anchieta.

Pedaços de arames foram usados para prender a placa Foto: Tell Miranda

Veja um vídeo com as imagens de um do local.

A nossa reportagem entrou em contato com a assessoria da Prefeitura de Guarapari. Veja a nota: “A Secretaria Municipal Turismo, Empreendedorismo e Cultura irá ao local fará o recolhimento da placa nesta quarta-feira (20) e posterior recolocação”.

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Filas enormes na reabertura das casas lotéricas em Guarapari

O dia amanheceu com muitas filas na reabertura das casas lotéricas em Guarapari. Na lotérica da Joaquim da Silva Lima no Centro da cidade, muitos clientes tiveram que ficar dentro das galerias para se proteger da chuva.