domingo ,27 setembro 2020
Home / Geral / Vacinas produzidas na China mostram eficiência na imunização e baixos efeitos colaterais, diz governo

Vacinas produzidas na China mostram eficiência na imunização e baixos efeitos colaterais, diz governo

A China informou que duas vacinas contra o coronavírus fabricadas no país estão sendo aplicadas na população e tem mostrado sucesso. O órgão chinês responsável por desenvolver as imunizações, o China National Biotec Group, garantiu que nenhum dos pacientes teve efeitos colaterais graves. A notícia foi dada pelo governo chinês.

China espera conseguir produzir 300 milhões de doses da vacina por ano; testes estão na fase 3 (Foto: Getty Images)

Outra boa notícia é que os chineses vacinados não foram infectados pelo coronavírus. Segundo o secretári da comissão de inspeção do China National Biotec Group, Zhou Song, os 180 primeiros voluntários que receberam a vacina há cinco meses ainda mostram altas taxas de anticorpos.  

Segundo a comunicação estatal chinesa, a expectativa é de que a vacina fique disponível no mercado no fim de 2020. A imunização começaria 28 dias depois de tomar a dose. A produção atual tem capacidade para produzir 300 milhões de doses por ano, mas ainda pode aumentar para 800 milhões, de acordo com autoridades chinesas.

A imunização de emergência feita na China começou em julho para grupos de risco, profissionais de saúde e quem trabalha nas fronteiras.

Em entrevista à rádio nacional chinesa, Zhou Song afirmou que a vacina ainda foi aplicada em pessoas que viajaram para outros países, onde a pandemia ainda tem mais força. A expectativa é que a imunização dure por até três anos.

A vacina aplicada em parte da população chinesa está na terceira fase de testes em diversos países, como Argentina, Emirados Árabes e Peru.

No Brasil, em parceria com o Instituto Butantan, o laboratório chinês Sinovac também trabalha no desenvolvimento de uma vacina.

Fonte: Yahoo

Você pode Gostar de:

95 municípios podem ter de realizar segundo turno nas Eleições Municipais de 2020

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 95 municípios com mais de 200 mil …