Home / Esporte / Título do Flamengo é comemorado em Guarapari

Título do Flamengo é comemorado em Guarapari

Veja como foi a festa dos torcedores do Flamengo em Guarapari. A maior concentração aconteceu no Centro da cidade. O local é palco de muitas comemorações. A partida final aconteceu na tarde de domingo (21), no Maracanã.

O Flamengo conquistou o campeonato carioca, ao vencer o Vasco da Gama, nas duas partidas finais, pelo mesmo placar, 2×0. Acompanhe como foi a comemoração dos torcedores rubro-negros, na avenida Drº Roberto Calmon, no Centro de Guarapari.

Fotos e imagens: Tell Miranda

Rubro-Negro chega a 12 jogos seguidos sem perder para o rival e conquista seu título carioca número 35, quatro a mais do que o segundo colocado, o Fluminense

Além da conquista do título do Campeonato Carioca 2019, domingo, no Maracanã, após o 2 a 0 sobre o Vasco, o Flamengo alcançou outro feito marcante: a maior invencibilidade diante do rival em toda a história do confronto. Agora, são 12 jogos seguidos sem perder para os cruz-maltinos – quatro vitórias e oito empates.

O Rubro-Negro não é vencido pelo rival em uma decisão desde a edição de 1988, há 31 anos. Com a conquista de domingo, o Flamengo chegou ao seu título de Carioca número 35 e aumentou a supremacia sobre os rivais.

Depois de ultrapassar o Fluminense em 2009, quando chegou ao título 31 e passou a ser o maior vencedor, o Rubro-Negro conseguiu abrir vantagem na ponta devido a números expressivos: 11 conquistas nas últimas 21 edições, com direito a dois tricampeonatos, enquanto Botafogo (4), Fluminense (3) e Vasco (3) dividiram as outras taças.

Capitão ao longo dos 90 minutos, Diego participou de toda a trajetória invicta contra o Vasco e levantou seu segundo Carioca pelo Flamengo. Com a experiência de quem está prestes a completar três anos de clube, celebrou a conquista hegemônica:

– É um dia mais que especial. Ser campeão, coroar um trabalho, com espetáculo do torcedor.

Já o recém-chegado Arrascaeta valorizou o primeiro troféu com menos de quatro meses de clube, mas deu o recado de que é preciso conquistar algo mais expressivo ao longo da temporada:

– Esse clube é muito apaixonado, muito grande. Temos que valorizar esse título, mas temos que brigar por coisas importantes esse ano. Com certeza começamos bem, mas tem muita coisa para vir pela frente.

Poder financeiro

Com um orçamento grande, bem maior do que os adversários cariocas, o Flamengo colhe os frutos de um trabalho de equilíbrio financeiro intensificado em 2013. Em um primeiro momento, os dirigentes apertaram o cinto, fizeram investimentos mais discretos e pagaram dívidas. O panorama foi melhorando gradativamente até o clube poder abrir os clubes e gastar grandes quantias.

O Fla conseguiu encerrar nas últimas temporadas uma cultura de atraso de salários, enquanto seus concorrentes ainda convivem com este problema. O elenco do Fluminense, por exemplo, já fez greve este ano e se recusou a treinar.

Chegada de reforços de peso

No início deste ano, o Flamengo disponibilizou cerca de R$ 100 milhões para reforçar o elenco com jogadores de peso como Arrascaeta, Gabigol, Bruno Henrique e Rodrigo Caio. Todos se tornaram titulares e peças importantes para o sucesso do time. Eles se juntaram a outras estrelas que já faziam parte do clube, como Everton Ribeiro, Diego, Vitinho e Diego Alves.

Enquanto o Rubro-Negro foi ao mercado e gastou em jogadores jovens e de alto potencial, Botafogo, Fluminense e Vasco fizeram contratações bem mais modestas. O perfil principal é de atletas em fim de contrato, sem a necessidade de aquisição de direitos econômicos, e de veteranos. O reforço de mais nome do Botafogo foi Diego Souza. O do Fluminense, Paulo Henrique Ganso. O do Vasco, Bruno César.

Bons números nos clássicos

Em nove clássicos disputados nesta edição do Carioca, o Flamengo só perdeu um – 1 a 0 para o Fluminense na semifinal da Taça Guanabara. Foram cinco vitórias, três empates (dois com o time formado a maior parte por reservas, contra o Vasco) e uma derrota.

Na final, o Rubro-Negro sobrou contra o Vasco. Venceu no Nilton Santos por 2 a 0 em uma das melhores exibições do ano, e no Maracanã repetiu o placar, sem dar muitos sustos na torcida, que lotou o estádio.

Estrutura do Ninho do Urubu

O clube passou a utilizar este ano o novo módulo profissional no Ninho do Urubu, com estrutura considerada ideal para a realização de treinos no campo, atividades de academia, prevenção e tratamento de lesões. Tudo com privacidade.

Depois do incêndio no CT no dia 8 de fevereiro, o local ficou fechado por um breve período e o time passou a treinar na Gávea. O local ainda está liberado apenas parcialmente para o treinamento de menores de idade.

Veja como foi a transmissão ao vivo do local da comemoração. Além de moradores da cidade, muitos turistas estiveram presente para prestigiar a conquista do título.

Fotos e imagens: Tell Miranda

Veja os títulos do Carioca por clube:

Flamengo – 35
(1914, 1915, 1920, 1921, 1925, 1927, 1939, 1942, 1943, 1944, 1953, 1954, 1955, 1963, 1965, 1972, 1974, 1978, 1979, 1979*, 1981, 1986, 1991, 1996, 1999, 2000, 2001, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011, 2014, 2017 e 2019)

Fluminense – 31
(1906, 1907*, 1908, 1909, 1911, 1917, 1918, 1919, 1924*, 1936*, 1937, 1938, 1940, 1941, 1946, 1951, 1959, 1964, 1969, 1971, 1973, 1975, 1976, 1980, 1983, 1984, 1985, 1995, 2002, 2005 e 2012)

Vasco – 24
(1923, 1924*, 1929, 1934*, 1936*, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952, 1956, 1958, 1970, 1977, 1982, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1998, 2003, 2015 e 2016)

Botafogo – 21
(1907*, 1910, 1912*, 1930, 1932, 1933*, 1934*, 1935*, 1948, 1957, 1961, 1962, 1967, 1968, 1989, 1990, 1997, 2006, 2010, 2013 e 2018)

América-RJ – 7
(1913, 1916, 1922, 1928, 1931, 1935* e 1960)

Bangu – 2
(1933* e 1966)

São Cristóvão – 1 
(1926)

Paissandu – 1
(1912*)

Observações:
*1907: Botafogo e Flu terminaram empatados e foram, posteriormente, declarados campeões

*1912: foram realizadas duas competições – Botafogo e Paissandu levantaram as taças
*1924: foram realizadas duas competições – Fluminense e Vasco levantaram as taças
*1933: foram realizadas duas competições – Bangu e Botafogo levantaram as taças
*1934: foram realizadas duas competições – Botafogo e Vasco levantaram as taças
*1935: foram realizadas duas competições – América-RJ e Botafogo levantaram as taças
*1936: foram realizadas duas competições – Fluminense e Vasco levantaram as taças
*1979: foram realizadas duas competições – o Flamengo levantou as duas taças

Com informações do Globo.com

Você pode Gostar de:

Mãe de pastor morto diz que ele teve caso amoroso com filha de Flordelis

A mãe do pastor Anderson do Carmo disse à polícia que corriam boatos de que …