• canal tempo real no youtube
Home / Geral / Suspeitos de roubo e tentativa de latrocínio são presos por policiais civis em Guarapari

Suspeitos de roubo e tentativa de latrocínio são presos por policiais civis em Guarapari

 As investigações apontam que um dos suspeitos era ex-funcionário da vítima.

A equipe da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Guarapari, com o apoio das demais delegacias do município, prendeu, nessa quinta-feira (04), dois suspeitos de roubo e tentativa de latrocínio. O detido de 36 anos foi preso no bairro Sol Nascente. Já o de 22 anos, teve o mandado de prisão cumprido na delegacia, porque já estava preso por outro crime.

De acordo com o responsável pelo caso, delegado Guilherme Eugênio Rodrigues, o crime aconteceu em setembro de 2018 e um dos suspeitos era ex-funcionário e amigo íntimo de uma das vítimas. “Depois de quase dois anos de investigações, que demandaram a obtenção de várias autorizações judiciais, descobrimos a participação dele. O suspeito prestou informações aos seus comparsas sobre a rotina da vítima, a existência de um cofre na casa dela e sobre as vulnerabilidades do local”, ressaltou.

Ainda segundo o delegado, na ocasião, o ex-funcionário prestou socorro às vítimas. “De forma dissimulada, ele as levou ao hospital para avaliar o que elas sabiam sobre o ocorrido. Interrogado em ato filmado na delegacia, ele admitiu a participação no crime”, disse Guilherme Eugênio.

O outro mandado de prisão suspeito já estava preso por envolvimento em um homicídio e recebeu mais uma ordem de prisão. Cinco pessoas foram identificadas nesse latrocínio tentado. Na última sexta-feira (29), outros três suspeitos foram presos.

“Durante as investigações, os policiais descobriram que os autores procuraram saber se, após o crime, as vítimas haviam acionado a polícia e se a arma deixada por eles no local dos acontecimentos havia sido apreendida. Eles pretendiam roubar a casa novamente e recuperar a referida arma, mas, ao saber que a polícia a havia apreendido, desistiram do segundo crime”, completou.

Os suspeitos foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Guarapari, onde permanecem à disposição da Justiça.

Sobre a tentativa de latrocínio

O crime ocorreu na madrugada do dia 15 de setembro de 2018, em uma residência do bairro Bela Vista, em Guarapari. “Na época, os três detidos encapuzados e armados, arrombaram a porta da casa na qual uma idosa morava com o filho com o intuito de roubar um cofre que havia no local”, disse Eugênio.

De acordo com o delegado, enquanto os suspeitos exigiam a abertura do compartimento, eles entraram em luta corporal com uma das vítimas. “As duas vítimas foram severamente agredidas e precisaram de socorro médico. Em meio à luta, um disparo de arma de fogo foi executado, mas a arma caiu no chão e, felizmente, não atingiu ninguém.  Logo após o disparo, os suspeitos fugiram levando o celular e o cordão metálico e deixando a arma para trás”, afirmou.

Você pode Gostar de:

Drogas são apreendidas em Guarapari

Na noite desta terça (27), durante patrulhamento de rotina, uma equipe de policiais militares visualizou um indivíduo em atitude suspeita no Bairro Santa Mônica, que foi abordado e, após busca pessoal, foi encontrado em sua posse 224 pedras de crack e a quantia de R$ 150,00 reais.