terça-feira ,27 outubro 2020
Home / Geral / Suspeito de homicídio no bairro Perocão é preso em flagrante

Suspeito de homicídio no bairro Perocão é preso em flagrante

Suspeito foi encontrado no mesmo local onde o crime ocorreu. Duas armas foram apreendidas.

Armas apreendidas pela polícia Foto: Divulgação

A equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Guarapari prendeu, em flagrante, um homem de 19 anos suspeito de ser o autor de um homicídio na noite dessa quinta-feira (26), no bairro Perocão.

Por volta das 19 horas, a equipe estava em patrulhamento especial quando recebeu a informação de que um homem tinha sido baleado no bairro Perocão, em Guarapari e socorrido à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município.  Na UPA, os policiais foram informados de que a vítima dos disparos, de 15 anos, já chegou morta.

“Na UPA, encontramos testemunhas que contaram como ocorreu o crime. Segundo os relatos, o adolescente foi até o local conhecido como Beco do Sururu cobrar uma dívida e teve uma discussão com o suposto devedor, que estava armado. Junto dele, estava o suspeito de 19 anos que, segundo as testemunhas, também tinha uma arma”, explicou o titular da DHPP Guarapari, delegado Franco Malini.

Com as informações, os policiais retornaram ao Beco do Sururu e, em diligências, localizaram um dos envolvidos. Ele tentou se esconder em uma residência, mas foi alcançado e, na casa, os policiais encontraram dois revólveres, que podem ter sido usados no crime e serão encaminhados para exame de balística. O homem detido foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio triplamente qualificado e encaminhado ao sistema prisional.

“Já temos a identificação do segundo suspeito, e estamos em diligências para capturá-lo. Também temos a informação de que a vítima e os autores fazem parte de grupos rivais de tráfico de drogas, e prosseguiremos com a investigação para apurar a motivação real do fato, se realmente foi uma cobrança de dívida ou se está relacionado à disputa do tráfico de drogas”, afirmou o delegado.

A população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, ou pelo site disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.   

Vídeo

Você pode Gostar de:

Portugal entra em situação de calamidade devido ao agravamento da pandemia de Covid-19 na Europa

O agravamento da pandemia de Covid-19 fez Portugal decretar o status de “situação de calamidade” a partir …