domingo ,26 setembro 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Supermercados e postos de Araraquara têm filas após decreto anunciar fechamento por 60 horas

Supermercados e postos de Araraquara têm filas após decreto anunciar fechamento por 60 horas

Supermercados e postos de combustíveis de Araraquara (SP) ficaram lotados, na noite da sexta-feira (19) e na manhã deste sábado (20), após o anúncio do novo decreto que proíbe a circulação de carros e pessoas e fecha os estabelecimentos por 60 horas.

Supermercados ficam lotados após anúncio do novo decreto em Araraquara — Foto: Arquivo Pessoal

A prefeitura classifica o novo decreto como um ‘lockdown’, expressão em inglês que, na tradução literal, significa confinamento ou fechamento total.

O município do interior de São Paulo vive uma crise hospitalar, com aumento de casos, internações e mortes por Covid-19 e há pelo menos 5 dias está com 100% de ocupação de leitos. Na semana passada, a cidade identificou 12 pacientes com a variante brasileira do novo coronavírus.

Até a sexta-feira (20), a cidade somava 12.989 casos de Covid, sendo 167 mortes.

Moradores fazem filas em supermercados na manhã deste sábado em Araraquara — Foto: Fernanda Câmara/EPTV

Corre-corre e filas

Filas foram formadas em estabelecimentos de diferentes bairros da cidade. Em alguns supermercados foi preciso organizar a fila nos estacionamentos, devido ao grande fluxo de pessoas.

Nos postos de combustíveis também houve movimento intenso, já que os motoristas correram para abastecer seus veículos antes do fechamento.

A prefeitura está fiscalizando os locais para evitar aglomerações.

Novo decreto

Na noite da sexta-feira (19), a prefeitura anunciou que irá colocar a cidade em quarentena por 60 horas, proibindo circulação de carros e pessoas, fechando bancos, supermercados e postos de combustíveis de 12h de domingo (21) até às 23h59 de terça-feira (23).

Só ficarão abertos farmácias e estabelecimentos de saúde. Os ônibus de transporte público não irão circular e os supermercados poderão funcionar apenas em sistema de delivery. Os postos de combustível irão atender exclusivamente abastecimento dos serviços públicos municipais, estaduais e federais, inclusive polícia militar.

Será permitido a circulação de pessoas para atendimento médico, comprar medicamentos e ir trabalhar.

A medida, segundo o prefeito Edinho Silva (PT), é para conter a transmissão do novo coronavírus. Em uma live no Facebook, ele justificou a decisão. “Estamos falando de um momento que as pessoas estão adoecendo e levando a doença para outras pessoas, estamos falando de um momento em que as pessoas estão precisando de leitos hospitalares e muitas de leitos de UTI, estamos falando de um momento que famílias estão chorando a morte de seus entes, que só nos podemos juntos podemos tirar Arararaquara dessa situação”.

Fonte: G1

Você pode Gostar de:

Grávida do primeiro filho, Geisa Oliveira, ex-Seleção Brasileira de basquete, morre aos 42 anos

A ex-jogadora Geisa Oliveira, tetracampeã nacional de basquete, morreu nesta sexta-feira, aos 42 anos, vítima de uma parada cardiorrespiratória.