Home / Geral / Polícia confirma a identidade do homem que atirou durante missa em Campinas

Polícia confirma a identidade do homem que atirou durante missa em Campinas

A Polícia Civil divulgou a identidade do homem que efetuou disparos durante uma missa na Catedral Metropolitana de Campinas, em São Paulo, na tarde desta terça-feira.

O atirador é Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos, que foi identificado por meio de sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), registrada na cidade de Valinhos, no interior de São Paulo. Cinco pessoas morreram e outras ficaram feridas.

Atirador da catedral de Campinas, SP, Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos Foto: Facebook

De acordo com imagens de câmeras, ele entrou na igreja ao final da missa, quando grande parte dos fieis já tinha deixado o local, e efetuou uma série de disparos.

“No fim da missa uma pessoa entrou atirando e fez algumas vítimas. Ninguém pôde fazer nada, ajudar de forma nenhuma. Foram mais de 20 tiros aqui dentro e depois ele se matou”, relatou o padre Amauri Thomazzi, que rezava a missa de 12h15 no momento em que o atirador entrou no local. Quatro pessoas foram mortas e outras quatro ficaram feridas.

Vítimas

Os feridos foram levados aos hospitais Mário Gatti, Beneficência Portuguesa e Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp. De acordo com equipes do Samu e do Corpo de Bombeiros, Jandira Prado Monteiro, de 65 anos, teve lesões em uma das mãos e no tórax. Ela foi levada ao Hospital Mário Gatti e está fora de risco.

Heleno Severo Alves, de 84 anos, foi atingido no tórax e no abdômen. Ele foi levado ao Hospital Mário Gatti e o estado é grave. Outra vítima, Maria de Fátima Frazão Ferreira, de 68 anos, foi baleada na perna e encaminhada ao Hospital de Clínicas da Unicamp. O estado dela é estável. O quarto atingido não teve seu nome revelado. Trata-se de um homem de 64 anos que foi atingido por dois tios de raspão e encaminhado ao Hospital Beneficência Portuguesa. Ele já recebeu alta.

A identidade das vítimas fatais ainda não foi divulgada.

Com informações do Yahoo.

‘Rezava o Pai Nosso e me obrigava a masturbá-lo’, diz vítima de João de Deus

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Bandidos atiram para cima após roubo de moto em Guarapari

Uma moto foi roubada por dois homens armados na Rodovia do Sol (Contorno), na altura …