domingo ,17 novembro 2019
Home / Geral / Mãe relata falta de higiene com paciente no Hospital Infantil Francisco de Assis em Guarapari

Mãe relata falta de higiene com paciente no Hospital Infantil Francisco de Assis em Guarapari

De acordo com uma dona de casa de 28 anos, a filha dela de 4 meses de idade, passou mal na sexta-feira, teve febre e diarreia, ela então levou a criança para o Hospital Francisco de Assis na Praia do Morro em Guarapari.

Hospital Francisco de Assis na Praia do Morro em Guarapari Foto: Tell Miranda

A mãe conta que a médica que atendeu a filha, informou que a criança estaria com gripe forte ou sinusite e receitou dois remédios, “meu marido comprou os remédios e a minha filha continuou com febre de 39,6”, relata a mãe.

Na segunda-feira pela manhã, a mãe mais uma vez levou a filha no hospital e outra médica pediu para fazer os exames de sangue e de urina, e constatou infecção urinária, ” minha filha agora está com o corpo todo empolado, vou ter que voltar com ela de novo”.

Na tarde desta quarta-feira (5), a mãe levou mais uma vez a filha no Francisco de Assis, “o médico que atendeu minha filha, disse que era para suspender o antibiótico e passou outro tipo de remédio pra ela e que agora tem que aguardar de dois a três dias”, informou.

Falta de Lençol

De acordo com a mãe, no Hospital Infantil Francisco de Assis na Praia do Morro, não tem lençol para colocar em cima da maca, “lá não tem lençóis para colocar no leito, eles estão colocando a criança em cima de um papel, todas as crianças são colocadas no leito, sem passar álcool”.

A mãe relatou que na hora que a filha estava tomando soro, teve problemas, “o sangue da minha filha subiu, e ficou coalhado, porque elas estavam passando agulha para tirar a sujeira que entupiu, estava saindo sangue cheio de tripinha”, relata a mãe.  

OUTRO LADO

“”O Hospital Francisco de Assis (HFA) informa que recebeu a demanda sobre o atendimento a um bebê de quatro meses e segue apurando os fatos relatados e fazendo os levantamentos necessários para responder de forma clara as indagações.

O HFA reforça que o atendimento pediátrico conta com uma equipe altamente capacitada em regime de plantão 24h/dia composta por dois médicos pediatras, dois pediatras intensivistas, dois médicos pediatras de rotina e anestesista, além de equipe de enfermagem completa atuando desde a classificação de risco”.

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Cantora capixaba é encontrada em estrada de Minas Gerais

A cantora capixaba Renata Ribeiro Cardoso, de 30 anos, foi encontrada desorientada, às margens da …