sexta-feira ,22 janeiro 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Homem é morto a tiros em Guarapari

Homem é morto a tiros em Guarapari

Um homem foi morto na madrugada desta quarta-feira (16), no bairro Kubitschek em Guarapari. O crime aconteceu em frente à escola Lyra Ribeiro dos Santos, por volta das 4 horas.

O crime aconteceu em frente a escola Lyra Ribeiro Santos Foto: Tell Miranda

Leandro Barcelos Filho, 42 foi assassinado há poucos metros da casa dele. Ele morava no Morro do Coco, localizado atrás da escola. De acordo com informações apuradas no local do crime, Léo como era conhecido, foi morto com dois tiros na cabeça.

A nossa reportagem encontrou com a Graça Fernandes, 71 anos, a dona Gracinha, mãe do Leandro Barcelos Filho. Ela descia o Morro do Coco e seguia para a Paz Eterna no bairro Muquiçaba para agilizar o velório e o sepultamento do filho.

O corpo de Leandro foi recolhido do local e encaminhado para o Departamento Médico Legal em Vitória Foto: Tell Miranda

De acordo com Gracinha, ela também iria entrar em contato com um pastor, para talvez o corpo do filho ser velado em uma igreja evangélica do bairro. Ela é evangélica.

Gracinha contou que estava dormindo, quando um vizinho chegou na casa dela, bateu na janela e perguntou pelo irmão de Léo, como ela informou que o irmão está internado em Cachoeiro de Itapemirim, a notícia da morte do filho foi contada para ela.

Segundo a mãe, Leo era um bom menino, mas o vício em drogas estava mexendo com a cabeça dele, “quando ele estava normal, sem o uso de drogas, ele era um bom menino”, disse.

Gracinha destacou que estava tentando internar o filho e já tinha até procurado um juiz, “na semana passada eu falei com ele para largar essa vida”.

De uma fala mansa e com os olhos cheios de água, ela acrescentou que além de resolver os trâmites para o sepultamento, passaria em uma loja para comprar uma camisa bonita para o filho ser sepultado.

Segundo a mãe, para manter o vício nas drogas, Leandro realizava vários tipos de biscates, como limpar lote e até mesmo carregar areia. Depois de conversar com a nossa reportagem, ela embarcou às 8h30 no ônibus para ir até a funerária e comprar a camisa para o filho.

Dona Gracinha seguiu na primeira poltrona do ônibus Foto: Tell Miranda

Leandro Barcelos Filho, era solteiro, não tinha filho e era morador do Morro do Coco no bairro Kubitschek.

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Vandalismo: Estátua do Marlin Azul na Praia do Morro está toda arranhada

A estátua do Marlim Azul localizada na Praia do Morro em Guarapari, sofre com o vandalismo de pessoas irresponsáveis e inescrupulosas.