quarta-feira ,24 fevereiro 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Jovem de 34 anos morre no dia do aniversário, dias depois de dar à luz, um bebê prematuro em Guarapari

Jovem de 34 anos morre no dia do aniversário, dias depois de dar à luz, um bebê prematuro em Guarapari

A Jovem Rose Tatiane Diniz Calixto, 34, morreu nesta sexta-feira (22), na casa onde ela morava na Praia do Morro em Guarapari. De acordo com os familiares, depois de ganhar o bebê, ela retornou três vezes ao HIFA após passar mal, e foi todas as vezes liberada para casa.

Rose completou 34 anos nesta sexta-feira (22), mas não teve nem tempo para comemorar Foto: Facebook

De acordo com o sogro Fábio Fernandes, 38 anos, Rose deu à luz a um bebê prematuro no último dia 16 de janeiro, “liberaram a mãe para casa, fez a cesariana e liberaram a mãe para casa, e nesses papéis, está dizendo que o quadro dela é estável. A gente quer entender qual o motivo que ela faleceu”, questiona o avô do bebê.

Veja a entrevista completa no final da reportagem com o avô da criança e com as duas irmãs de Rose. Ele quer somente uma resposta da instituição, “não culpando desde já, a unidade de saúde Francisco de Assis de maneira nenhuma”.

Segundo Fábio, a nora esteve por três vezes no HIFA, “trouxemos ela três vezes aqui, e só medicaram ela, e mandaram pra casa. Colocaram aqui, pedindo uma ultrassonografia, dizendo que o HIFA não faz essa ultrassonografia”.

O bebezinho continua internado no Hospital Infantil na Praia do Morro Foto: Tell Miranda

Ele acrescenta que se existia algum tipo de dúvida, não poderia deixar a paciente nesta situação, “se existia uma dúvida da parte da medicina, da médica que fez o acompanhamento dela, se existia uma dúvida, não poderia deixar uma mulher transitar para lá e para cá”.

Apesar de todo o sofrimento pela perda da nora, Fábio ressalta que o hospital é bom, tem estrutura, já esteve outras vezes no HIFA para levar pacientes. Ele gostaria de uma resposta neste momento de dor: Qual o motivo da morte da sua nora?

O sogro Fabio Fernandes, e as duas irmãs, Roseane Priscila Diniz Calixto e Rosane Pâmela Diniz Foto: Tell Miranda

As duas irmãs da jovem, Roseane Priscila Diniz Calixto, 29 anos e Rosane Pâmela Diniz, 25 anos, também estavam na frente do hospital Infantil, para tentar buscar explicações sobre a morte da irmã mais velha.

Segunda a irmã Roseana Priscila Diniz Calixto, Rose morreu deitada em cima da cama, “deram um antialérgico para ela ontem (21), pois ela estava toda vermelha, inchada, deram um antialérgico e mandaram para casa. Hoje (22), ela já acorda praticamente sem vida. Conversamos com ela mais cedo, a minha mãe conversou com ela mais cedo, quando mamãe volta, ela já estava sem vida, sem respiração, toda roxa, já sem vida”, disse emocionada.

Rose Tatiane Diniz Calixto, deixa um filho de 4 anos, outro de 9 anos e o bebê prematuro de 7 meses e meio, que continua na maternidade. O estado de saúde dele é bom.

O corpo de Rose foi encaminhado para o Departamento Médico Legal em Vitória. O laudo da morte até a publicação dessa matéria, ainda não tinha saído. Os familiares informaram que no momento a jovem estava desempregada. Ela trabalhou como auxiliar de serviços gerais na loja Danúbio em Muquiçaba.

Acompanhe aqui a entrevista que realizamos com os familiares no início da tarde desta sexta-feira (22), em frente ao Hospital Infantil na Praia do Morro.

A nossa reportagem entrou em contato com a assessoria do HIFA e recebemos a seguinte nota.

Nota de esclarecimento

“O Hospital Materno Infantil Francisco de Assis, HIFA Guarapari, se manifesta com muito pesar sobre o óbito e ressalta que disponibiliza todo suporte aos familiares.

Neste momento, o HIFA aguarda a liberação do laudo emitido pelo Serviço de Verificação de óbitos (SVO).

A instituição reforça ainda que segue os protocolos de atendimento recomendados pelo Ministério da Saúde e Organização Mundial de Saúde (OMS)”.

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Fluxo intenso de veículos na entrada de Guarapari

Movimento intenso na entrada de Guarapari

A nossa reportagem fez uma transmissão ao vivo pela página do Tempo Real, por volta …