domingo ,26 setembro 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Guarapari pode voltar para risco moderado de contaminação da covid-19

Guarapari pode voltar para risco moderado de contaminação da covid-19

A equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) se reuniu na manhã desta quinta-feira (11) com representantes do comércio de Guarapari, para explicar o funcionamento do cálculo da Matriz de Risco, que é realizado com base no Instrutivo V.01 da Secretaria de Estado da Saúde.

Praia do morro em Guarapari lotada durante o verão
Praia do Morro em Guarapari Foto: Tell Miranda

Esse cálculo da Matriz de Risco é realizado através da soma de três critérios: coeficiente de ativos, número de testes realizados para cada 1.000 habitantes e  média móvel de óbitos.

A análise da matriz de risco não utiliza apenas um critério para definir a classificação do município. Além dos três critérios descritos acima, também é necessário considerar a taxa de ocupação de leitos do Estado, a qual também impactará na classificação de risco em que o município entrará.

Desta forma, a análise não pode ser baseada em apenas um critério, pois o que implica na classificação de risco do município é a soma de todos os critérios mais a taxa de ocupação de leitos. Fazer conclusões da matriz de risco a partir de um único critério não é suficiente para definir em que classificação o município entrará.

Durante a reunião, a Gerente da Vigilância Epidemiológica, Ludmila Maretto, fez uma apresentação de todo o trabalho realizado pelo município e falou sobre o processo de fornecimento dos dados da Covid-19, que são atualizados diariamente na plataforma do Governo do Estado.

Segundo Ludmila, o município realizou um cálculo nesta quarta-feira (10) em que indica mudança na matriz de risco, podendo já nesta sexta-feira a cidade voltar para o risco moderado.

“Com dados dessa quarta-feira, o município estaria no risco moderado, mas tudo depende dos números a serem registrados no decorrer da semana, uma vez que a Matriz de Risco é divulgada pelo Governo do Estado, toda sexta-feira”, disse ela.  

Durante a reunião, a Secretária Municipal de Saúde, Alessandra Albani, explicou que mesmo com essa possibilidade de voltar para o risco moderado, na cidade de Guarapari não haverá carnaval.

“O momento agora não é de lazer e sim de manter o cuidado com o próximo. Essa pandemia está chegando a um ano, começamos o processo de vacinação, mas ainda falta muito para que todos sejam vacinados. Sabemos que o mais importante agora é manter os cuidados, somente assim podemos ficar livre desse vírus”, disse Alessandra.

O empresário e presidente da Associação de Bares, Restaurantes e Casas Noturnas (Abrecan), Marcelo Meira participou da reunião e falou do trabalho realizado pelo município.

“Essa reunião foi muito esclarecedora, vimos que o município não está deixando nada a desejar, conhecemos todo o trabalho realizado pela prefeitura em relação a pandemia e esperamos que essa matriz de Risco mude amanhã para moderado. Assim, vamos poder estender nosso horário de funcionamento conforme determina a portaria do Governo do Estado, nossos comerciantes precisam disso”, disse ele.

Você pode Gostar de:

Grávida do primeiro filho, Geisa Oliveira, ex-Seleção Brasileira de basquete, morre aos 42 anos

A ex-jogadora Geisa Oliveira, tetracampeã nacional de basquete, morreu nesta sexta-feira, aos 42 anos, vítima de uma parada cardiorrespiratória.