quinta-feira ,23 setembro 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Estado antecipa vacinação contra Covid-19 dos trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros

Estado antecipa vacinação contra Covid-19 dos trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros

Em ato simbólico realizado na manhã desta quarta-feira (26), no Palácio Anchieta, em Vitória, o Governo do Espírito Santo deu início à vacinação contra o novo Coronavírus (Covid-19) de mais um público prioritário: os trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros. 

Segundo a Resolução nº 083/2021, da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), englobam este grupo os motoristas e cobradores. No Estado, segundo dados do Ministério da Saúde, a estimativa é de que 19.577 trabalhadores sejam imunizados com a primeira e a segunda dose.

Para a antecipação deste grupo, o Governo do Estado definiu o envio de uma porcentagem de doses da reserva técnica, de acordo com a disponibilidade semanal de vacinas. O primeiro envio será realizado já nesta semana, com a chegada de uma nova remessa sinalizada pelo Ministério da Saúde.

“É uma alegria darmos início à vacinação desses trabalhadores que estão expostos todos os dias. Em nenhum lugar do mundo, em nenhum modal, seja trem, ônibus ou metrô, as pessoas conseguem totalmente ficar sentadas durante os horários de pico. Por isso, pedimos que as pessoas, se puderem, possam esperar um ônibus menos cheio ou até mesmo adiantar ou retardar seus horários habituais para evitar aglomerações”, explicou o governador Renato Casagrande.

Casagrande reforçou a importância de avançarmos ainda mais com a imunização da população para reduzir o número de casos graves e óbitos em decorrência da Covid. “Nossos profissionais estão sendo cuidadosos, não estão deixando perder doses e estamos conseguindo usar a reserva técnica para avançar nesses grupos. Os aeroportuários e os portuários serão adiantados pelo Plano Nacional de Imunização, mas nós resolvemos adiantar os rodoviários, utilizando essa reserva técnica, por ser um grupo prioritário que está muito exposto”, completou.

O secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno, reforçou a importância do trabalho dos rodoviários ao longo de todo o período de enfrentamento à Covid-19. “É uma grande conquista poder iniciar a vacinação dessa categoria que está empenhada e trabalhando desde o início da pandemia, transportando pessoas todos os dias, inclusive os profissionais de saúde”, lembrou.

Também participaram da solenidade, o secretário de Estado da Saúde, Nesio Fernandes; o diretor-presidente da Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo (Ceturb-ES), Raphael Trés; e o presidente do Sindicato dos Rodoviários no ES, Marcos Alexandre da Silva.

Orientações para vacinação

A Secretaria da Saúde (Sesa) orienta os 78 municípios para que a vacinação do grupo de trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros seja operacionalizada seguindo chamamento ou agendamento. Além disso, é necessário que o trabalhador, no ato da vacinação, apresente um documento que comprove o exercício ativo da função de motorista ou cobrador profissional de transporte.

Depoimentos

“É um momento marcante estar aqui sendo vacinado hoje. Começamos um novo marco com essa imunização, trazendo mais segurança para a gente e para os nossos familiares” – Alex da Silva Ferreira, motorista da Viação Satélite.

“Me sinto muito aliviada. Com certeza vamos trabalhar com mais tranquilidade agora”- Patrícia Simões dos Santos, cobradora de roleta de Terminal de Integração do Sistema Transcol

“Eu recebi a notícia ontem que iria ser vacinada e fiquei muito feliz. Acordei de madrugada achando que havia perdido a hora de tanta emoção. Estou grata e agora vou trabalhar muito mais segura” – Simone Barbosa Pimentel, motorista do Sistema Transcol

“É um sentimento de felicidade saber que nossos colegas também serão vacinados. Então esse é um momento que nos traz mais tranquilidade. Para nós e para nossos familiares” – Jailton Nascimento da Silva, motorista do Sistema Transcol

Próximos grupos prioritários

Além do esforço do Estado e de municípios para dar mais celeridade à vacinação contra a Covid-19, com a distribuição e disponibilidade das doses nas 78 cidades capixabas em até 48 horas após a chegada na Central Estadual de Rede de Frio, bem como nas ações de vacinação realizadas pelas secretarias municipais e a otimização das doses, o Espírito Santo se destaca também com a estratégia de ampliação dos públicos prioritários.

Havendo disponibilidade semanal de vacinas, a agilidade se dá com o envio de doses da reserva técnica para garantir a imunização de mais capixabas. A expectativa, ainda para esta semana, é de que mais um grupo seja iniciado, o da população em situação de rua, que compreende cerca de 2.462 pessoas no Espírito Santo.

Você pode Gostar de:

Empresário morto em queda de avião já foi proprietário de fazenda com 28 escravos na BA

O empresário Celso Silveira Mello Filho, morto na queda do avião com outras 6 vítimas em …