quarta-feira ,8 abril 2020
Home / Geral / Está nas suas mãos evitar que o coronavírus se espalhe

Está nas suas mãos evitar que o coronavírus se espalhe

Para reduzir o risco de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus, existe uma série de medidas que podem ser tomadas pelo cidadão, a fim de garantir tais cuidados.

À exemplo da tosse ou espirro, segundo a etiqueta de higiene, o correto é cobrir a boca com a parte interna do braço ao realizar a ação, pois assim permite que as gotículas carregadas de vírus fiquem longe das mãos, evitando a contaminação.

Além disso, a etiqueta de higiene segue também os seguintes pontos, de acordo com o Ministério da Saúde:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Ficar em casa quando estiver doente; 

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo; 

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Plano de contingência

Desde o início dos primeiros casos de Covid-19 na China, o Espírito Santo elaborou um plano de contingência para evitar a circulação do vírus no Estado. Entre as definições apresentadas estão as dos hospitais de referência, que serão o Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória (HINSG), em Vitória, referência em atendimento pediátrico, e o Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves (HEJSN), na Serra, que tem a expertise de atendimento aos casos graves. 

A remoção dos pacientes com casos suspeitos para os hospitais de referência, de acordo com o plano, ficará a cargo do Serviço Móvel de Urgência (Samu 192) e do serviço de remoção estadual nos municípios que não têm Samu. 

Em relação ao atendimento a ser realizado nos municípios, que poderá ser a porta de entrada de casos suspeitos, todos os profissionais já estão sendo orientados e capacitados para a identificação da infecção. Os municípios também estão orientados a realizarem a comunicação obrigatória, por meio do FormSUS, para que haja a notificação imediata dos possíveis casos.

O Lacen/ES fica responsável pelas análises das amostras enviadas pelas unidades de saúde. No local, as amostras serão analisadas para triagem de outras viroses e, caso os resultados descartem casos de influenza ou outras viroses, o material será enviado para o laboratório de referência nacional (Fiocruz), para a confirmação ou descarte do caso. O Plano Estadual de Prevenção e Controle do Covid-19 pode ser acessado clicando aqui

Você pode Gostar de:

Homem é morto a tiros em Guarapari

Um homem foi morto a tiros no bairro Una em Guarapari na noite de domingo …