segunda-feira ,12 abril 2021
  • canal tempo real no youtube
Home / Geral / Escola esconde 20 crianças em banheiro durante fiscalização sanitária

Escola esconde 20 crianças em banheiro durante fiscalização sanitária

Uma escola privada foi flagrada escondendo 20 crianças em um banheiro durante uma fiscalização sanitária em Florianópolis.

Segundo a prefeitura, o flagrante do funcionamento irregular da instituição ocorreu na tarde de quarta-feira (17) após denúncia. O local foi interditado por estar funcionando sem alvará.

Salas de aula em Florianópolis — Foto: PMF/Divulgação

Conforme a Vigilância em Saúde, no estabelecimento de ensino, que não teve o nome divulgado e fica na região continental da capital catarinense, estavam crianças com cerca de 4 anos de idade.

Além de não ter alvará, o local estava descumprindo o decreto que estava em vigência, que suspendia as aulas presenciais. A regra foi derrubada pela Justiça nesta quinta-feira (18).

Durante a ação havia outros alunos nas dependências da escola. A área do banheiro e as condições em que o grupo foi encontrado não foram detalhadas.

A instituição recebeu uma multa no valor de R$ 2,5 mil. Além disso, outra autuação deverá ser aplicada por falta de alvará do estabelecimento que vai de R$ 125 a R$ 2,5 mil.

Casos confirmados em 61 escolas

Um levantamento divulgado pela Secretaria de Saúde de Florianópolis mostra o avanço no número de infecções pelo coronavírus em escolas públicas e privadas do município. Até esta quinta, foram 207 casos confirmados em escolas: 72 em alunos, 75 em professores e 60 em outros trabalhadores do núcleo escolar.

Foram 23 escolas com surtos ativos. Outros 1.554 contatos de pessoas com o vírus e mais 253 casos suspeitos estão em investigação, na fase de coleta ou espera pelo resultado.

Para que seja considerado surto em uma escola, é preciso haver dois ou mais casos positivos em uma turma ou em outro espaço escolar que tenha havido contato entre as pessoas que estão confirmadas com o vírus, esclareceu a Secretaria Municipal da Saúde.

A prefeitura disse por meio de nota que “neste momento, a suspensão das aulas presenciais pode contribuir com a rápida redução destes números, interrompendo as cadeias de transmissão no ambiente escolar”.

No início do mês, a Diretoria de Vigilância Sanitária do estado orientou escolas sobre as medidas a serem tomadas em caso de confirmação da Covid-19.

Com informações do G1.

Você pode Gostar de:

Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Vitória

Adolescente é morto com tiro na cabeça

Um adolescente de 17 anos foi assassinado com mais de quatro tiros no bairro Vista da Serra II, na Serra, na Grande Vitória, na madrugada desta quarta-feira (7).