quinta-feira ,1 outubro 2020
Home / Geral / Datena rebate Bolsonaro após fala contra a imprensa: “Bundão é o senhor”

Datena rebate Bolsonaro após fala contra a imprensa: “Bundão é o senhor”

Jair Bolsonaro (sem partido) ameaçou agredir um repórter que o questionou sobre movimentações bancárias entre o ex-assessor Fabrício Queiroz e a primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Nesta segunda-feira (24), o presidente chamou jornalistas de “bundões” e disse que profissionais da imprensa têm mais chances de morrer de coronavírus.

“Quando pega [a doença] num ‘bundão’ de vocês, a chance de sobreviver é bem menor. Só sabem usar a caneta para fazer maldade, em grande parte. A chance de sobreviver é bem menor do que a minha”, disparou o líder do país durante o evento “Brasil vencendo a covid-19” no Palácio do Planalto.

A ofensa repercute negativamente entre grandes nomes da área. José Luiz Datena fez questão de defender a imprensa e rebater Bolsonaro ao vivo no ‘Brasil Urgente’, da Band. O apresentador garantiu que gosta do ex-capitão do Exército, mas não aliviou e afirmou que “bundão” é o presidente.

“Ele não pode ofender qualquer cidadão da forma como ele ofendeu, seja ele da imprensa ou não. Eu, por exemplo, sou do jornalismo e não sou ‘bundão’, senhor presidente Bolsonaro. Eu não sou ‘bundão’. Agora, o senhor me dá o direito de chamar o Jair de ‘bundão’. Então ‘bundão’ é o Jair, ‘bundão’ é o senhor. Não o presidente da República, porque esse eu respeito. Mas a partir do momento que você chama minha classe toda de ‘bundão’ eu também posso chamar o senhor de ‘bundão’”, declarou o veterano da televisão e do rádio.

Datena ainda destacou o trabalho dos jornalistas brasileiros e lembrou que muitos já perderam a vida no exercício da profissão.

“Teve muita gente que deu a vida, que morreu — e não só no regime militar — fazendo matérias. A imprensa brasileira foi fundamental na mudança desse país em várias oportunidades. Então os jornalistas brasileiros não são ‘bundões’, pelo contrário. São pessoas que vão para a rua trabalhar enfrentando dificuldades enormes, houveram já correspondentes de guerra”, argumentou o apresentador, que também ironizou

“Com todo o respeito ao cargo de presidente da República que você tem, ‘bundão’ é o senhor. Você vai me desculpar, mas essa é minha opinião. ‘Bundão’ não! O que é isso? Chamar a gente de ‘bundão e todo mundo fica quieto?”, finalizou.

Fonte: Yahoo

Você pode Gostar de:

Retorno das aulas presenciais no dia 13 de outubro

O governador do Estado, Renato Casagrande, liderou, nesta sexta-feira (25), mais uma reunião da Sala …