Home / Geral / Milhares vão às ruas em todo país para apoiar Bolsonaro e seu governo

Milhares vão às ruas em todo país para apoiar Bolsonaro e seu governo

Um total de 21 estados e o Distrito Federal registraram neste domingo (26) atos em favor do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Os grupos que tomam as ruas defendem propostas como reformas ministeriais e da previdência, além do pacote anticrime do ministro da Justiça, Sergio Moro. As manifestações ocorreram em maior número até às 17h (Brasília).

Protesto em apoio ao governo do presidente Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro (RJ), neste domingo (26) (cdsantos/Futura Press)

Sediaram atos os estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Pará, Acre, Minas Gerais, Bahia, Maranhão, Pernambuco, Alagoas, Mato Grosso, Paraná, Santa Catarina, Ceará, Espírito Santo,Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Goiás, Sergipe, Tocantins, Paraíba e Roraima, além do Distrito Federal.

Em São Paulo, Major Olímpio provoca Rede Globo diante de ‘mar de gente’

Em ato na avenida Paulista, em São Paulo, o senador Major Olímpio (PSL-SP) e deputados do PSL discursaram, de cima do caminhão do Revoltados Online, a favor de Jair Bolsonaro (PSL) neste domingo (26).

“Segundo o Datafolha, eu estou sozinho aqui. Eu não consigo ver o chão [de tanta gente]. Chupa Rede Globo”, provocou Olímpio. “É um mar de gente de espontaneidade e de civismo”, completou.

Protesto em apoio ao governo do presidente Jair Bolsonaro na Avenida Paulista em São Paulo (SP), neste domingo (Roberto Sungi / Futura Press)

No caminhão, havia faixas pedindo o impeachment de Gilmar Mendes e a CPI da Lava Toga. Um tenor cantou o Hino Nacional.

O senador justificou a ausência do presidente nos atos. “Os ministros e Bolsonaro não podiam vir, porque senão iam dizer que ele armou tudo isso.”

“Vocês no dia de hoje estão ajudando Bolsonaro a consolidar a transformação do Brasil”, disse Olímpio.

Diante do caminhão, uma faixa dizia: “Rodrigo Maia chantagista, o governo não vai se render a você”.

Olímpio também criticou alguns políticos. “Candidatos de vários partidos, como DEM e PP, se matavam para ter uma live com Bolsonaro. Hoje sabemos quem são os aliados de verdade”, disse.

No Rio, orla de Copacabana é palco dos manifestantes

No Rio de Janeiro, por volta das 11h (Brasília) milhares de pessoas tomavam a orla de Copacabana no ato em apoio ao presidente, que se espalhou por sete quarteirões da Avenida Atlântica. Os manifestantes usavam, em maioria, roupas com as cores e a bandeira do Brasil.

Na altura do posto 5, diversos carros de som se concentraram, assim como na região da rua Xavier da Silveira. Em seus primeiros momentos, o ato em favor do presidente no Rio de Janeiro acontecia de maneira pacífica.

Além do ato na capital, ainda foram registrados atos em Resende, Volta Redonda e Três Rios no sul do Estado. No interior, ainda de manhã, manifestantes se reuniram próximos à Igreja Nossa Senhora do Rosário, no BR 101.

Já no Norte Fluminense, pessoas se reuniram em Macaé, cerca de 5 mil, e em Campos dos Goytacazes, cerca de 200. Os atos ocorreram pela manhã.

Bolsonaro vai a culto evangélico durante manifestação no Rio de Janeiro

Enquanto grupos de direita se reuniam na manhã deste domingo (26) na praia de Copacabana para manifestar apoio a Jair Bolsonaro (PSL), o presidente compareceu a um culto na Igreja Batista Atitude, no Recreio dos Bandeirantes.

Bolsonaro está no Rio desde sábado (25), quando desembarcou na cidade para ir à cerimônia de casamento do seu filho, o deputado federal Carlos Bolsonaro (PSL-SP).

O presidente chegou à igreja por volta de 11h. Foi muito aplaudido por cerca de 3.800 fiéis. O culto foi ministrado pelo pastor Josué Valandro Júnior, líder da igreja frequentada pela primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Fonte: Yahoo Notícias

Você pode Gostar de:

Ações de saúde e beleza marcam as comemorações do Dia do Policial Civil

Automaquiagem, corte de cabelo, aferição de pressão, teste de glicemia, consultas com nutricionistas, reflexologia podal …