Home / Geral / Cobrador não aceita nota rasgada de R$ 5,00 entregue por passageira em ônibus de Guarapari

Cobrador não aceita nota rasgada de R$ 5,00 entregue por passageira em ônibus de Guarapari

Uma doméstica de 47 anos, passou por uma situação constrangedora e humilhante. A informação é da filha, a autônoma de 31 anos, que preferiu não ser identificada.

WhatsApp Image 2018-01-10 at 22.38.44 (1)
A nota de R$ 5,00 entregue pela passageira que o cobrador da Viação Lorenzutti não aceitou para a doméstica pagar a passagem

Ela conta que a mãe embarcou em um ônibus da viação Lorenzutti, por volta das 17h30, no ponto do Bairro Bela Vista e que ao pagar a passagem, no valor de R$ 2,80, ela deu uma nota de R$ 5,00, que não foi aceita pelo cobrador, “ele falou pra minha mãe, que esta é a ordem da empresa, para não aceitar nota rasgada”.

WhatsApp Image 2018-01-11 at 12.33.43
A mesma nota de R$ 5,00 colada com um durex pela filha

A filha disse ainda que com toda esta situação, a mãe dela chegou a chorar, pela humilhação dentro do ônibus, já que outros passageiros estava olhando pra ela, “o cobrador perguntou se a minha mãe, teria outra nota e ela respondeu que não. ”

WhatsApp Image 2018-01-11 at 13.29.28

Ela então começou a revirar a bolsa, e encontrou R$ 2,30 em moedas, e falou para o cobrador que como ela estava seguindo para o bairro Santa Margarida, alguém conhecido iria entrar no ônibus, “chegou no Centro uma conhecida da minha mãe, embarcou no ônibus e emprestou R$ 0,50” para pagar a passagem”.

WhatsApp Image 2018-01-10 at 22.38.44
O cobrador informou para a passageira, que ele segue uma norma da empresa, para não aceitar nota rasgada

A filha informou que o mais curioso disso, é que a mãe recebeu esta nota de um cobrador da mesma empresa, quando teria embargado no bairro Condados para visitar a outra filha no bairro Bela Vista.

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Professor é encontrado morto em Guarapari

O corpo do professor Israel Oliveira, 49 anos, foi encontrado na casa dele, no bairro …