Home / Esporte / Campanha para ajudar ex-jogador arrecada 76% da meta inicial

Campanha para ajudar ex-jogador arrecada 76% da meta inicial

Falta muito pouco para conseguir arrecadar a meta inicial de R$ 8 mil, para comprar um carro para o ex-centroavante Valério, morador de Guarapari. Vários amigos e admiradores estão empenhados nesta campanha. O carro dele pegou fogo na estrada que liga o bairro Jardim Santa Rosa ao bairro Jabaraí.

Participe da campanha “Todos por Valério”, para ajudar o ex-jogador de futebol profissional Valério Gomes Vieira, a comprar um carro. A meta inicia de R$ 8 mil, está perto de ser atingida. Já foram arrecadados, R$ 6.093, 00 até esta terça-feira (2), o que representa 76% da meta inicial. Foram 56 colaboradores até agora, com doações de R$ 10,00 e até de R$ 300,00, a maior doação de único colaborador.

O carro dele pegou fogo na estrada que liga o bairro Jardim Santa Rosa ao bairro Jabaraí em Guarapari no dia 19 de setembro. Valério atuou em vários clubes do estado como Rio Branco, Castelo, Alfredo Chaves e Guarapari.

Segue os dados da conta para depósito. O colaborador pode depositar qualquer quantia e assim ajudar a realizar o sonho deste ex-jogador de futebol profissional, que tantas alegrias deu para os capixabas a ter de novo, um carro para ajudar no seu transporte e da sua família.

Banco Sicoob – 756

Agência: 0001

Poupança: 62.741.328 -5

Valério Gomes Vieira

880.710.307-91

Carro de ex-jogador de futebol profissional pega fogo em Guarapari

Um Palio pegou fogo na estrada, que liga o bairro Jardim Santa Rosa ao bairro Jabaraí em Guarapari, no início da noite de quarta-feira (19). O carro incendiado é do ex-jogador de futebol Valério.

Ele atuou em vários clubes do Espírito Santo, como Rio Branco, Castelo, Alfredo Chaves e Guarapari. O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas, mas a perda foi total. Ninguém ficou ferido.

O ex-centroavante percebeu uma fumaça saindo do carro, parou o veículo, conseguiu retirar  os documentos, antes que as chamas consumisse o veículo. O carro não tinha seguro e era usado para o seu trabalho e o transporte da esposa.

Uma filha do jogador usou a rede social para informar que ele batalhou muito para adquirir o veículo, ” eu sou filha dele, ele está chateado, pois trabalhou muito para comprar esse carro, e como minha mãe está doente, era usado para o transporte dos dois”, relatou a filha Juliane.

Ela conta que apesar do prejuízo, não aconteceu nada com ele, “ meu pai está bem, não aconteceu nada com ele, e às vezes, Deus permite que certas coisas aconteçam para dar uma bênção melhor”.

Juliane acrescentou que o pai tinha um carinho muito especial pelo Pálio e nos finais de semana, dava aquele trato no veículo.

Tell Miranda

Jornalista e radialista

More Posts - Website

Você pode Gostar de:

Suspeito de assalto é detido por populares em Guarapari

Um homem foi detido por populares e depois pela Polícia Militar no Parque Areia Preta …